.Nota Importante

Segunda-feira, 1 de Outubro de 2007

CADAVAL

CADAVALE, terra dos bons vinhos seculares 

sede do concelho: Vila do Cadaval

freguesias: Alguber, Cadaval, Cercal, Figueiros, Lamas, Chão do Sapo, Painho, Peral, Pêro Moniz, Vermelha, Vila
area: 175,0 km2      população: 14 254 habitantes
localização: situa-se a 70 km a Norte de Lisboa
feriado municipal:  13 de Janeiro


 

 

características: A sua paisagem caracteriza-se por extensas vinhas, pomares, mancha florestal e a magestosa Serra de Montejunto. economia: A produção de Pêra Rocha  e vinhos são imagens de marca 

gastronomia: variada

artesanato: mármores decorativos; Cantaria; loiças de barro; cestaria

locais a visitar:

Serra do Montejunto

Ermida da Nossa Senhora das Neves

Real Fábrica de Gelo

Moinhos de Vento

Igreja Matriz do Cadaval

Museu Municipal onde pode ver a evolução do território desde os tempos mais antigos até aos mais recentes num percurso que abrange a Paleontologia, a Arqueologia, a História e o Património Cultural do Concelho do Cadaval. No átrio da entrada podem-se ver alguns fósseis de animais invertebrados e de dinaussauros.

Na sala de Arquiologia estão expostos materiais pré-históricos das grutas e dos povoados da Serra do Montejunto com destaque para as peças metálicas das Idades do Cobre e do Bronze. Também da ocupação romana observam-se objectos de diversos locais do Concelho e no exterior as colunas romanas em pedra recolhidas na vila romana de Borgigas.

Património: A fábrica de gelo da Serra do Montejunto está classificada como Monumento Nacional.

Sites a consultar:

www.cm-cadaval.pt/
www.anmp.pt
www.cadaval.oestedigital.pt/
www.oesteonline.pt/
www.cadaval.org/museu/

 



HISTÓRIA SOBRE O CADAVAL

Os vestígios da presença humana remontam à pré-história, tendo sido localizado um povoado fortificado na Serra de Montejunto, em Pragança.

O Concelho foi criado em 1371 pelo Rei D. Fernando, beneficiando ainda de novos privilégios concedidos pelo Rei D. Manuel I no foral de 1513.

D. João IV, ao consumar a independência de Portugal relativamente a Castela, elevou Cadaval a Ducado, dando origem a uma das mais sólidas casas nobres do País.

Em 1895 o Concelho do Cadaval foi extinto mas imediatamente restaurado três anos depois.  Tal acontecimento marcou  o feriado municipal do Concelho a 13 de Janeiro.

publicado por Arth-wr Limma às 20:37
link do post | comentar | favorito

.Nota Importante

."Arth-wr Limma" meu pseudónimo

.favoritos

. ACORRENTADOS

.as minhas fotos

.arquivos

. Outubro 2007

.Outubro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Outubro 2007

blogs SAPO

.subscrever feeds